IRIS FM
91.4 FM
Sociedade

Deixar de dar aulas depois 60? Só no pré-escolar e 1.º ciclo

A possibilidade de os professores com mais de 60 anos deixarem de dar aulas para “desempenhar outras atividades”, prevista no Orçamento do Estado de 2020, será apenas aplicada ao pré-escolar e 1.º ciclo, esclareceu hoje o Governo.

O rejuvenescimento da carreira docente e a possibilidade de os professores com mais de 60 anos deixarem de dar aulas para “desempenhar outras atividades” são objetivos enunciados pelo Governo para o Orçamento do Estado de 2020 (OE2020) na educação.

Numa nota explicativa,  na página do Parlamento referente ao OE2020 no que diz respeito ao Ministério da Educação, e um dia antes da audição da equipa liderada por Tiago Brandão Rodrigues em sede de especialidade na Assembleia da República, o Executivo recorda o objetivo de rever o modelo de recrutamento de professores, que já tinha sido avançado no programa do Governo, e admite ter outros planos para os professores com mais de 60 anos que não passam necessariamente por dar aulas.

A secretária de Estado da Educação, Susana Amador, esclareceu em declarações à agência Lusa que esta medida será estudada e que no âmbito da valorização da classe docente existe a possibilidade de os professores em regime de monodocência  – existente no pré-escolar e no 1.º ciclo do ensino básico – desempenharem outras atividades que garantam o aproveitamento pleno das suas capacidades profissionais.