IRIS FM
91.4 FM
Sociedade

Protesto contra amianto em escola de Camarate esta terça-feira

Alunos, pais, professores e funcionários da Escola EB 2,3 Mário de Sá Carneiro, em Camarate, concelho de Loures, agendaram para terça-feira de manhã uma marcha contra a presença de amianto naquele estabelecimento de ensino e exigem obras de requalificação urgentes. O protesto está a ser organizado pela comunidade escolar em colaboração com a Associação de Pais do Agrupamento D. Nuno Álvares Pereira e com o Movimento Escolas sem Amianto, do qual este agrupamento foi um dos fundadores. À IRISFM André Julião do Movimento explica o que está em causa.

Durante a discussão na especialidade do Orçamento do Estado para 2020, todas as bancadas parlamentares interpelaram o ministro da Educação a propósito da retirada dos materiais com amianto das escolas.  O ministro Tiago Brandão Rodrigues não especificou quantas irão ser intervencionadas nem quando. Referiu que esta operação é “uma prioridade no plano de investimento e em todas as intervenções” de requalificação das escolas que estão programadas, para as quais foram alocados “111 milhões de euros adicionais”.

Ricardo Oliveira da Associação de Pais refere as condições degradadas em que se encontra aquela escola.