IRIS FM
91.4 FM
Economia

Governo afirma ter margem para aumentar as verbas das políticas ativas de emprego

Lisboa, 09/06/2020 - O Orçamento de estado Suplementar de combate à Covid-19, é apresentado esta tarde no Salão Nobre do Ministério das Finanças pelo Ministro (cessante) das finanças, Mário Centeno e o secretário de estado do orçamento e ministro indigitado, João Leão. ( Reinaldo Rodrigues / Global Imagens )

O ministro de Estado e das Finanças afirmou que o Governo tem margem para aumentar as verbas destinadas ao apoio às políticas ativas de emprego se a pandemia da covid-19 se prolongar ou agravar no país. Esta posição de João Leão foi transmitida numa reunião com o Grupo Parlamentar do PS na Assembleia da República sobre a proposta do Governo de Orçamento do Estado para 2021.

Fontes da bancada socialista afirmaram que o titular da pasta das Finanças classificou a vertente do apoio às políticas ativas de emprego como “um compromisso muito forte deste Governo” face à atual crise sanitária, económica e social.