País

Autópsia feita em Portugal ao corpo de João Rendeiro confirmam que não existem indícios de crime

Os resultados preliminares da autópsia feita em Portugal ao corpo de João Rendeiro confirmam que não existem indícios de crime na morte do ex-banqueiro, segundo fonte da investigação. A autópsia realizou-se no sábado, na sequência de um pedido da família, que suspeitava de crime e não suicídio na morte do ex-banqueiro quando estava detido na prisão de Verulam, na África do Sul.

A família de João Rendeiro pediu na quarta-feira ao Instituto Nacional de Medicina Legal e Ciências Forenses para fazer uma autópsia ao corpo do ex-banqueiro, que chegou na sexta-feira de manhã a Lisboa proveniente da África do Sul. Na altura, em declarações Inês Montalvo,  advogada da viúva Maria de Jesus Rendeiro, justificou a necessidade da autópsia por considerar que há “vários indícios de que se tratou de um crime”.

Partihar

NO AR
91.4 FM
COM IRIS FM

%d bloggers like this: