Abrindo uma janela de esperança com benefício recíproco para mundo multipolar

O presidente chinês, Xi Jinping, terminou hoje (6) sua visita à Europa e à América Latina e regressou a Beijing. Em Portugal, Xi Jinping fez um resumo aos jornalistas chineses e estrangeiros sobre essa longa viagem de nove dias e com 70 ações bilaterais e multilaterais. Ele disse que enfrentando vários desafios no mundo, a China sempre defenderá o respeito mútuo, a consulta igual e seguirá sempre o caminho de desenvolvimento pacífico através da cooperação de benefício recíproco, com o objetivo de criar uma comunidade de futuro compartilhado da humanidade com todos os países.

Todos os países necessitam conversar ao tratar as questões mundiais. Nessa última missão diplomática do chefe de Estado chinês deste ano, a China continuou a ouvir as vozes de todos na defensa do multilaterarismo e da cooperação de benefício recíproco. Também prosseguiu mostrando a responsabilidade em casos tanto bilaterais como multilaterais, injetando uma energia positiva à situação internacional complexa.

Nas declarações e comunicados conjuntos publicados com Espanha, Argentina, Panamá e Portugal, encontra-se frequentemente a conexão entre a iniciativa Cinturão e Rota e as estratégias dos países referidos. Nesse quadro, a cooperação em mercados de terceiros, para ampliar o beneficio recíproco, se tornou um novo modelo aceito por todos.

Durante a visita de Xi Jinping a Portugal, a China e o país europeu assinaram um memorando de entendimento sobre a cooperação do Cinturão e Rota. Como um hub importante que interliga as rotas da seda terrestre e marítima, Portugal possui uma vantagem natural em cooperação nessa área. O país desempenha um papel de exemplo para a Europa. O CEO da Fidelidade, maior empresa portuguesa de seguros, Jorge Magalhães Correia, considera que Portugal servirá de ponto de entrada para outros países europeus integrarem o Cinturão e Rota, por que o país empreende a importância desta iniciativa.

Vale ressaltar que a China defende sempre a integração da Europa. Portugal e Espanha são importantes membros da União Europeia. As declarações com os dois países contam com o acoplamento da iniciativa chinesa Cinturão e Rota com as estratégias de desenvolvimento da UE e com a estratégia de interconectividade euroasiática. Isso reflete que a iniciativa já se tornou uma plataforma importante em promoção de cooperação global, a interconectividade e a prosperidade regional comum.

Uma agenda importante da viagem de Xi Jinping foi a Cúpula do G20. Hoje é o 10º aniversário do mecanismo da Cúpula e da crise financeira internacional. Xi Jinping fez um discurso na abertura da reunião. Após o encerramento do evento, o encontro entre os chefes de Estado chinês e norte-americano chamaram a atenção do mundo inteiro.

Tradução: Florbela Guo

Revisão: Diego Goulart

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*