Política Regional

É Oficial: Novo aeroporto será em Samora Correia

O primeiro-ministro, Luís Montenegro, revelou esta noite a localização escolhida para receber o novo aeroporto. A opção eleita foi o Campo de Tiro da Força Aérea Portuguesa, localizado em Samora Correia, cujo terá o nome de Aeroporto Luís de Camões.

Durante esta tarde tinha sido convocada uma reunião de ministros para as 15h30, no Palácio de São Bento, em Lisboa, reunião essa que não constava na agenda do primeiro-ministro, e que serviu para confirmar a nova localização do aeroporto.

Luís Montenegro seguiu assim a avaliação da Comissão Técnica Independente, que mantinha como opção mais viável o Campo de Tiro da Força Aérea Portuguesa.

O investimento do novo aeroporto em Samora Correia terá um custo de 8 mil milhões de euros e tem previsto de término entre 2034 e 2039. O atual aeroporto da Portela, em Lisboa, será alargado até o novo aeroporto esteja concluído.

O primeiro-ministro anunciou ainda a construção de uma nova ponte, que irá ligar Chelas ao Barreiro, e também a construção da ferroviária de alta velocidade entre Lisboa e Madrid.

Nota/Esclarecimento:

O Campo de Tiro, antes designado por Campo de Tiro de de Alcochete, agora Campo de Tiro da Força Aérea, tem 7.500 hectares, 6.300 dos quais pertencem a Benavente e os restantes 1.200 ao Montijo.

O município de Alcochete não tem um único hectare no Campo de Tiro onde vai ser construído o novo aeroporto de Lisboa, que se divide pelas áreas dos concelhos de Benavente e Montijo.
A localidade de Alcochete fica a nove quilómetros do local para onde está prevista a construção do novo aeroporto.
O Campo de Tiro de Alcochete foi fundado em 1904 pelo Rei D. Carlos I e ninguém se preocupou com o nome, agora é esta confusão, até para os governantes.
Partihar

NO AR
91.4 FM
COM IRIS FM