Desporto Destaques Regional

GDSC diz esperar resposta da Câmara há três meses

Decorreu esta segunda-feira, 16 de janeiro, a reunião da Câmara Municipal de Benavente com a ausência do Presidente Carlos Coutinho, por se encontrar em outra reunião, sendo substituído pela Vice-Presidente Catarina do Vale.

Sónia Ferreira, do PSD, referiu que o Grupo Desportivo de Samora Correia (GDSC) espera há três meses por resposta, via e-mail, vinda por parte da Câmara Municipal, quanto ao ponto de situação da compra dos terrenos, em que o Estádio da Murteira está instalado, à companhia das Lezírias.

O processo de licenciamento da Federação acaba dia 15 de fevereiro e segundo o vereador Hélio Justino, a Câmara de Benavente aguarda o parecer do Tribunal de Contas. O Vereador da CDU diz, também, que tem mantido contacto, quase semanalmente, com o Presidente do GDSC e Órgãos Sociais e «que dizer que não há uma resposta, parece-me demasiado».

Esta questão não penaliza o GDSC, caso passe a jogar a nível nacional, visto que, «as infraestruturas são municipais, o terreno ainda não é no papel terreno municipal, mas todas as infraestruturas são municipais», diz o Vereador.

Hélio Justino garante que o GDSC não vai deixar de jogar no Campo da Murteira.

 

Partihar