País Sociedade

Marta Temido admite que constrangimentos nas urgências não são novos e revela plano de contingência

A ministra da Saúde, Marta Temido, admite que os constrangimentos registados em várias urgências de Norte a Sul do país, sobretudo na área de Obstetrícia, não são um problema novo e por isso vai lançar um plano de contingência a curto prazo. Depois de ter estado reunida com administradores hospitalares, sindicatos e Ordem dos Médicos, Marta Temido revelou a criação do plano articulado para os meses do verão.

Tal como admitiram os sindicatos dos médicos, a ministra também admite que este não é um problema sazonal, mas sim estrutural, manifestando-se agora com outra “gravidade” e “magnitude”. Marta Temido afirmou ainda que será lançado já na próxima semana um novo concurso com vista à contratação de todos os especialistas que “aceitem ser contratados pelo SNS”, admitindo, face às condições, o “trabalho pesado” no serviço público de Saúde.

Partihar

NO AR
91.4 FM
COM IRIS FM

%d bloggers like this: