Economia

Preço do gás de garrafa sofreu um aumento de 25% no primeiro trimestre deste ano

O preço do gás de garrafa sofreu um aumento de 25% no primeiro trimestre deste ano, quando comparado com igual período de 2021, de acordo com informação avançada pela Associação Portuguesa de Empresas Petrolíferas. Os valores de comercialização subiram, de acordo com a associação setorial, à boleia do “impacto causado pela crise associada à invasão russa da Ucrânia”. A mesma fonte adianta que só os valores de cotação do gás aumentaram, em média, 15% no primeiro trimestre de 2022.

O preço médio de venda ao público registado nos primeiros três meses deste ano atingiu, no caso de uma garrafa de 13 quilogramas de gás butano – o combustível mais utilizado para fins domésticos – os 31,5 euros, contra os cerca de 25 euros atingidos, em média, no mesmo trimestre do ano passado.

Partihar

NO AR
91.4 FM
COM IRIS FM

%d bloggers like this: