IRIS FM
91.4 FM
Desporto

Treinador do Dortmund espera jogo “exigente” frente ao Sporting

treinador do Borussia Dortmund afirmou hoje que o encontro com o Sporting, da quinta jornada da Liga dos Campeões de futebol, vai ser “muito exigente”, mas assumiu que não está surpreendido com as dificuldades que aguardam a equipa.

Em conferência de imprensa realizada no auditório do Estádio José Alvalade, Marco Rose elogiou algumas individualidades do adversário de quarta-feira, nomeadamente “o seis [Palhinha], o oito [Matheus Nunes], Sarabia, [Pedro] Gonçalves e Paulinho”, mas voltou-se de imediato para o coletivo.

“O Sporting tem uma equipa muito boa, de uma forma geral. Tem uma forma de jogar muito clara. Não é fácil defender contra o Sporting, vai ser muito exigente para nós, mas estamos na Liga dos Campeões, por isso, não me surpreende”, analisou o técnico dos alemães.

Atento aos detalhes, Rose admitiu, mais do que uma vez, que o Borussia Dortmund “estudou bem” a equipa do Sporting e garantiu que não vê “nenhuma grande diferença” entre a equipa que perdeu (1-0) na Alemanha e a que vai tentar, na quinta-feira, um resultado que lhe permita apurar-se para os oitavos de final.

O treinador admitiu, no entanto, que os índices de confiança dos ‘leões’ estarão, neste momento, mais elevados.

“Claro que agora estão mais confiantes, pois ganharam os últimos dois jogos da ‘Champions’. Estão numa situação em que vão entrar com tudo para ganhar, vão estar confiantes e com muita energia”, sustentou.

A braços com várias ausências na equipa, entre as quais Mats Hummels (castigado), Thorgan Hazard (covid-19) e Haaland (lesionado), o técnico dos alemães desvalorizou as ausências, lembrando que “não há nada a fazer” a não ser “utilizar os que estão bem e aptos”.

Se Witsel, antigo jogador do Benfica, está incluído nesse lote, Rose também não foi explícito.

“Esteve lesionado durante muito tempo. Estamos contentes por ter recuperado e jogou muito bem no último jogo na Bundesliga [I Liga alemã], mas veremos como vai reagir, porque esteve lesionado muito tempo”, lembrou Marco Rose.

A finalizar, depois de um mal-entendido com a tradução e de não ter percebido que a pergunta que lhe tinha sido feita era sobre Ruben Amorim, o treinador alemão teve ainda elogios para o seu homólogo português, que prometeu convidar para um convívio após o encontro de quarta-feira.

“É um bom treinador, obviamente que não tinha percebido o nome. Nota-se de uma forma muito clara que organiza o jogo da sua equipa, a estratégia com e sem bola, todo o futebol do Sporting. É o campeão nacional. E amanhã [quarta-feira] vou convidar o Ruben [Amorim] para tomar um copo de vinho depois do jogo”, concluiu Rose.

O Borussia Dortmund visita o Sporting na quarta-feira, em partida da quinta jornada da Liga dos Campeões agendada para as 20:00 no Estádio José Alvalade, em Lisboa.

Em caso de vitória, os alemães garantem o apuramento para os oitavos de final da competição, o que o Sporting também pode conseguir se vencer por dois ou mais golos de diferença.

METEOROLOGIA

ESTÁ A OUVIR
91.4 FM
COM IRIS FM

Atualização Diária COVID-19