IRIS FM
91.4 FM
Mundo Sociedade

Número de horas trabalhadas diminui na UE. Portugal regista a terceira maior quebra.

Em 2020, o número de horas de trabalho no emprego principal na União Europeia registou uma diminuição de 12%, quando comparado com 2019. Número este que pode ser explicado pelas medidas tomadas em resposta à pandemia da Covid-19, e que levaram muitos profissionais a alternar entre períodos de trabalho e períodos de ausência, nomeadamente devido à imposição do lay-off em alguns casos. Nesse sentido, Portugal regista a terceira maior quebra, muito acima da média da UE.

A nível nacional verificou-se uma redução do número de horas trabalhadas de 19%, avança o gabinete de estatísticas da União Europeia. A dividir a terceira posição com Portugal está a Itália (19%), um dos países mais sacrificados devido à Covid-19 no ano passado. As maiores quebras foram, contudo, na Grécia, onde o número de horas trabalhadas recuou 19,7% e em Espanha, onde se verificou uma redução de 19,5%. Do lado oposto do gráfico está a Holanda, Luxemburgo e Finlândia, onde as quebras foram apenas de 3,2%, 4,1% e 4,4%, respetivamente.

METEOROLOGIA

ESTÁ A OUVIR
91.4 FM
COM IRIS FM

Atualização Diária COVID-19