IRIS FM
91.4 FM
Mundo

Portugal e 8 países anunciam diálogo entre indústrias de defesa europeias

Bandeiras de Portugal e da União Europeia, hasteadas num edifício. 28 de junho de 2011 em Lisboa. ANTONIO COTRIM/LUSA

Portugal e mais oito países da União Europeia (UE) garantiram hoje continuar um diálogo regular entre indústrias de defesa a nível europeu, a fim de contribuir para uma Europa mais resiliente, reindustrializada e com autonomia. Em declarações à Lusa, o presidente da IdD -Portugal Defence, Marco Capitão Ferreira, apontou que esta é uma “oportunidade” que surge ao abrigo do Fundo Europeu de Defesa, com um envelope financeiro de 8 mil milhões de euros para os próximos 7 anos, constituindo uma “alavanca” que pode potenciar a cooperação a nível europeu. No primeiro diálogo, que aconteceu hoje durante o seminário internacional de economia de defesa europeia, foram discutidos “temas estratégicos” sobre como é que as indústrias de defesa “podem contribuir para uma Europa mais resiliente, reindustrializada e com autonomia”, assinalou. Além de Portugal, também Estónia, Letónia, Bélgica, Eslovénia, Itália, Finlândia, República Checa e Áustria farão parte do diálogo de representantes da indústria da defesa que se espera “regular” e que continuará já com a presidência eslovena. A expectativa, no entanto, é que a iniciativa venha a ser alargada: “Conforme o diálogo das indústrias de defesa for dando frutos, mais países estarão interessados em participar”, assumiu Marco Capitão Ferreira.

 

METEOROLOGIA

ESTÁ A OUVIR
91.4 FM
COM IRIS FM

Atualização Diária COVID-19