IRIS FM
91.4 FM
Destaques País

Festejos do Sporting “não correram bem em termos de saúde pública”

Marcelo Rebelo de Sousa admitiu hoje que os festejos do Sporting, em Lisboa, “não correram bem em termos de saúde pública” e espera que o desrespeito pelas medidas sanitárias, por parte dos adeptos, não tenha consequências para o país com mais casos, internamentos e mortes relacionadas com a Covid-19.

“Aquilo que aconteceu ontem não deve ser padrão para as próximas semanas”, começou por realçar o Presidente da República, à margem de uma visita a Arcos de Valdevez, acrescentando que compreende a “emoção” vivida no dia de ontem, mas que espera que “isso não tenha custos para os lisboetas e que não tenha resultados menos positivos daqui por 15 dias ou uma semana”.

“Quem deve prevenir não conseguiu prevenir e quem ali devia prevenir são as entidades responsáveis por isso, mas são também todos os cidadãos. É um comportamento cívico e espero que continue presente”, salientou ainda quando desafiado a comentar a culpa das autoridades de segurança e de saúde.

“Se toda a gente começa, no plano político, religioso, futebolístico, desportivo em geral, cultural a entender que desconfinamento significa não observar regras nenhumas isso pode levar a situações que não são boas para ninguém”, alertou ainda o Chefe de Estado.

METEOROLOGIA

ESTÁ A OUVIR
91.4 FM
COM IRIS FM

Atualização Diária COVID-19