IRIS FM
91.4 FM
Regional

PCP reage à candidatura de Mário Cantiga pelo PS – “completa um circuito há muito antevisto”.

O Executivo da Comissão Concelhia de Vila Franca de Xira do PCP emitiu uma nota de imprensa sobre o anúncio de Mário Cantiga como candidato do PS nas próximas autárquicas. O PCP refere que o anúncio “completa um circuito há muito antevisto”. Diz a nota que “Mário Cantiga decidiu, unilateralmente, abandonar o Partido Comunista Português por discordar da responsabilização da maioria PS na Câmara Municipal por esta nada fazer contra o encerramento da Agência da Caixa Geral de Depósitos na Vila de Alhandra em 2018”.  A concelhia diz ainda que “outra das razões evocadas por Mário Cantiga para sair do PCP foi o facto de se ter criado as condições para que o PS formasse Governo em 2015, afastando PSD-CDS da governação e assim – com a consciência das limitações do processo -, abrir caminho à defesa, reposição e conquista de direitos e rendimentos dos trabalhadores e das populações. Mário Cantiga apresentou-se como um crítico da solução, afirmando mesmo, e cita-se, ser incompreensível o PCP “dar cobertura a esta gente [PS]”.

A mesma nota diz que “o PCP e a CDU prosseguirão, com as populações e os trabalhadores, das três freguesias e do concelho, num caminho de coerência, determinação e firmeza. A acção e luta pela defesa dos serviços públicos, pela reabertura da Caixa Geral de Depósitos, por mais médicos de família, pela devolução do Teatro Salvador Marques à população, pela instalação dos Multibancos em falta, por mais e melhores transportes públicos, pelos meios necessários para que a Junta de Freguesia possa dar resposta na limpeza e manutenção dos espaços verdes e das ruas, por uma recolha de lixo eficaz, pela construção do Campo de Jogos do Alhandra Sporting Club, por um balneário condigno para os trabalhadores da autarquia, entre outros aspectos, são o centro das preocupações da intervenção do PCP e da CDU”.

 

METEOROLOGIA

ESTÁ A OUVIR
91.4 FM
COM IRIS FM

Atualização Diária COVID-19