IRIS FM
91.4 FM
Sem categoria

Presidente do CMG concede entrevista exclusiva para a maior TV italiana

O presidente do Grupo de Mídia da China (CMG, na sigla em inglês), Shen Haixiong, concedeu recentemente uma entrevista exclusiva à maior TV da Itália, TGCOM24, falando sobre as mudanças das formas de comunicação, economia chinesa, relações comerciais sino-norte-americanas entre outros temas importantes.

Sobre o desenvolvimento das mídias, Shen Haixiong disse que o CMG se atenta muito à utilização das novas tecnologias, como o 5G e a imagem de alta definição, para promover o desenvolvimento das mídias tradicionais. Além disso, o grupo conseguiu sucessos notáveis no desenvolvimento das novas mídias. Por exemplo, as reportagens sobre o 70º aniversário do estabelecimento da República Popular da China conseguiram 3,35 bilhões de cliques em suas plataformas de novas mídias.

Shen Haixiong enfatizou que a credibilidade é a vida do CMG, por isso, todos os funcionários, incluindo repórteres e apresentadores, têm uma forte consciência de responsabilidade. Além de divulgar a voz do governo, o CMG também tem muitos programas de supervisão da opinião pública, Tópicos em Foco, por exemplo. “O nosso objetivo não é evitar ou cobrir os problemas, mas sim, enfrentar e buscar resoluções para eles”, salientou Shen Haixiong.

Quanto à desaceleração do crescimento da economia chinesa, Shen Haixiong disse que a economia chinesa ainda tem o melhor desempenho do mundo. A previsão é que neste ano, o PIB chinês crescerá 6,1% em comparação com o ano passado. O crescimento das economias dos Estados Unidos, Japão e da União Europeia deverá ser de 2,4%, 0,9% e 1% respectivamente.

Shen Haixiong lembrou que o ex-líder chinês, Deng Xiaoping, tinha dito que quando a renda per capita dos chineses atingisse US$ 800, a China teria uma sociedade modestamente confortável, e agora, a renda per capita dos chineses é de cerca de US$10 mil. Para um país de 1,4 bilhão de pessoas, isso já é um êxito muito considerável, acrescentou Shen Haixiong.

Sobre as negociações comerciais entre a China e os Estados Unidos, Shen Haixiong disse que a China busca sempre a cooperação e o ganho mútuo. A China e os EUA são como dois elefantes na floresta. Se os elefantes entrarem em conflito, toda a floresta sofrerá turbulências, metaforizou o presidente do CMG.

Ele ainda disse que nos últimos meses, o preço da carne suína aumentou muito na China, mas os chineses continuam calmos e não se preocupam com nada, pois acreditam que o governo e o Partido podem resolver o problema. Ele afirmou que em outros países, o aumento do preço do metrô em alguns centavos já causa grande caos, mas na China, o povo tem bastante confiança em seu governo.

Quanto à preocupação dos EUA sobre o 5G, Shen Haixiong acha que é completamente desnecessária. Segundo ele, a Huawei é apenas uma empresa privada da China. “Usamos smartphones da Huawei, mas nunca nos preocupamos com qualquer monitoramento. A Apple e algumas empresas de Internet dos EUA, pelo contrário, instalaram backdoors”, disse Shen Haixiong.

O presidente do CMG ainda pediu que o governo italiano tome mais medidas eficazes para impulsionar as cooperações com a China e beneficiar os dois povos.

Tradução: Luís Zhao

Revisão: Erasto Santos Cruz