IRIS FM
91.4 FM
Sem categoria

Kissinger pede consideração objetiva sobre a China

O presidente chinês, Xi Jinping, reuniu-se recentemente com o ex-secretário de Estado dos EUA, Henry Alfred Kissinger. Na ocasião, Kissinger disse que a China constitui um tipo cultura. Para compreender o país, é necessário entender este tipo de cultura.

Kissinger, de 96 anos, disse na sua estadia na China que a China é uma grande potência econômica e tem relações estreitas com os EUA. Se os confrontos entre os dois países acontecerem sem restrição, o resultado será pior do que o acontecido na Europa durante a Guerra Fria.

Kissinger disse no seu livro On China, publicado há 8 anos, que a China e os EUA podem procurar benefícios recíprocos ao invés de conflitos severos. Três anos atrás, ao se encontrar com o ex-conselheiro de Estado da China, Dai Bingguo, ele disse que não existe a armadilha de Tucídides entre a China e os EUA. Os dois são parceiros em vez de adversários. Hoje, Kissinger persiste na sua opinião. Ele disse que a diferença entre ambos os países não poderá provocar conflitos militares.

Quanto aos atritos comerciais entre os dois países, Kissinger deu sua resposta. Ele espera que as negociações comerciais possam ser bem-sucedidas, o que poderá ser um ponto de partida para futuros diálogos políticos.

Tradução: Li Jing

Revisão: Gabriela Nascimento