IRIS FM
91.4 FM
Mundo

Relacionamento sino-russo traz mais estabilidade para o mundo

Nesta quarta-feira (5), o presidente chinês, Xi Jinping, e seu colega russo, Vladmir Putin, declararam que as relações entre os dois países avançaram a parceria de coordenação estratégica integral para a nova era. Esta decisão terá uma profunda influência na situação internacional.

Depois do desenvolvimento de 70 anos, o relacionamento sino-russo já se tornou um exemplo para países vizinhos e potências de alta confiança mútua, alto nível de cooperação e alto valor estratégico.

As relações China-Rússia na nova era necessitam de apoio mútuo nas questões de interesses fundamentais e exigem o fortalecimento das cooperações bilaterais, o que significa que os dois países aumentarão a coordenação e a cooperação nos assuntos internacionais.

Como membros permanentes do Conselho de Segurança da ONU, a China e a Rússia têm posições semelhantes ou iguais em muitas questões internacionais. Além disso, as relações sino-russas são promovidas com base nos princípios de não aliança, não confronto e não ir contra a terceira parte. Por isso, este relacionamento não só beneficiará ambos os povos, como também trará mais estabilidade para o mundo inteiro.

Tradução: Luís Zhao

Revisão: Erasto Santos Cruz