China avança no desenvolvimento dos direitos humanos com ideias inovadoras e acções pragmáticas

O governo chinês publicou nesta quarta-feira (12) um livro branco intitulado “Avanços da causa dos direitos humanos da China ao longo dos 40 anos da reforma e abertura”. O documento conta com oito capítulos e explica detalhadamente o conceito chinês de desenvolvimento dos direitos humanos, que tem como o centro o povo.

Beijing realizou há dois dias um seminário para comemorar o 70° aniversário da Declaração Universal dos Direitos Humanos. O presidente chinês, Xi Jinping, enviou uma carta de felicitação ao evento, salientando que a vida feliz do povo é o maior direito humano. O líder chinês declarou que a China persiste em um caminho de desenvolvimento dos direitos humanos correspondentes à condição nacional, priorizando os direitos à vida e de desenvolvimento.

Para implementar o conceito, o governo chinês fez muitos esforços em respeitar, garantir e promover os direitos humanos nos últimos 40 anos da reforma e abertura. As concepções relacionadas foram incluídas na Constituição e nos grandes planejamentos estratégicos, se tornando um princípio importante para governança do país.

Tradução: Zhao Yan

Edição: Layanna Azevedo

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*